Neymar tem fratura constatada e será avaliado por Lasmar

Neymar tem novamente uma fratura no quinto metatarso do pé direito, lesão semelhante a que o afastou dos gramados às vésperas da Copa do Mundo de 2018. Segundo o jornal francês Le Parisien, exames de imagem constataram uma linha de fratura na região e uma nova cirurgia não está descartada.

Diante desse cenário, o Paris Saint-Germain convidou o médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, para avaliar a situação do atacante. O profissional, responsável pela primeira operação de Neymar no local, realizada em fevereiro do último ano, viaja nesta segunda-feira para Paris a fim de opinar sobre qual será o melhor método de recuperação. Nesse domingo, Tite já havia visitado o atleta antes de presenciar a vitória do clube parisiense sobre o Rennes pelo Campeonato Francês, revela o Terra.

Neymar passou pela primeira avaliação médica na quarta-feira, logo após o triunfo do PSG sobre o Strasbourg pela Copa da França, partida em que deixou o gramado no início do segundo tempo direto para o hospital. Em comunicado no mesmo dia, o clube parisiense confirmou “a reativação das dores no quinto metatarso do pé direito”, afirmou que os “próximos dias seriam fundamentais para saber a gravidade da contusão” e não descartou uma intervenção cirúrgica.

Assim, o jogador já foi praticamente descartado por Thomas Tuchel para o duelo decisivo do Paris Saint-Germain diante do Manchester United, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, no dia 12 de fevereiro.

“Neymar não jogará (diante do United). É complicado, claro. Mas como disse ontem é muito cedo para avaliar gravidade. Essa semana será importante e enquanto isso temos que buscar nossas soluções”, afirmou o treinador ao Canal Plus.

28/01/2019